quinta, 19 de julho de 2018

'MEIO AUTISTA'

Ministra desiste de nomear Sader após comentário

2 MAR 2011Por ESTADÃO16h:28

O sociólogo Emir Sader não será mais o diretor da Fundação Casa de Rui Barbosa, no Rio. O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira pelo Ministério da Cultura (MinC). Em nota oficial publicada no site da pasta, a ministra Ana de Hollanda afirmou que "o nome do novo dirigente será anunciado em breve". A assessoria de imprensa do MinC não confirma, mas a desistência da nomeação de Sader pode ter acontecido em função da declaração que o sociólogo deu ao jornal Folha de São Paulo, em matéria publicada no último domingo. Na entrevista, Sader chama a ministra de 'meio autista'.

O trecho da entrevista que teria irritado a ministra é: "Tem o corte, o orçamento é menor, e tem dívidas. Desde março não se repassou nada aos Pontos de Cultura. Teve uma manifestação em Brasília. Está estourando na mão da Ana porque ela fica quieta, é meio autista".

 Em seu blog na internet, o sociólogo e cientista político Emir Sader, comentou de forma indireta a decisão da ministra Ana Hollanda de desistir de sua nomeação para o cargo de presidente da Fundação Casa de Rui Barbosa, vinculada ao Ministério da Cultura. Sem se referir ao brevíssimo comunicado divulgado nesta quarta-feira pela ministra, anunciando a desistência, ele anuncia que irá desenvolver "em outro espaço público" o projeto que havia elaborado para a fundação.

Leia abaixo a nota oficial:

Comunico que o senhor Emir Sader não será mais nomeado presidente da Fundação Casa de Rui Barbosa. O nome do novo dirigente será anunciado em breve.

Ana de Hollanda

Ministra de Estado da Cultura

Leia Também