DOURADOS

Ministério Público Federal contesta OAB

Ministério Público Federal contesta OAB
28/06/2012 14:08 - DA REDAÇÃO


Em nota oficial, a procuradora da República Joana Barreiro Batista contestou as informações divulgadas pela Ordem dos Advogados do Brasil-Seccional de Mato Grosso do Sul, em relação à investigação da morte de um bebê e de sequelas em outro, ocorridas no Hospital Universitário de Dourados.

De acordo com a nota, ao contrário do que foi divulgado pela OAB/MS, o Ministério Público Federal já havia instaurado dois inquéritos civis públicos para investigar as denúncias, quando recebeu pedido de informações da OAB/MS.

Fonte: MPF/MS

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".