TRÊS LAGOAS

Ministério Público do Trabalho aciona sindicato por suspeitas de fraudes

Ministério Público do Trabalho aciona sindicato por suspeitas de fraudes
16/07/2012 17:30 - DA REDAÇÃO


O Ministério Público do Trabalho (MPT) entrou com ação judicial contra o Sindicato dos Trabalhadores da Construção e do Mobiliário de Três Lagoas – SINTRICOM/MS por indícios de irregularidades e fraudes na sua gestão.

A 1ª Vara do Trabalho de Três Lagoas determinou que a partir desta segunda-feira (16) a  entidade sindical será gerida por uma Junta Governativa Interina, composta por cinco integrantes indicados pelo MPT.

A procuradora do Trabalho, Larissa Serrat de Oliveira Cremonini, dará posse aos futuros integrantes, os quais ficarão no exercício do cargo por até 150 dias, período em que deverá ocorrer levantamentos e regularizações contábeis, até a realização das próximas eleições sindicais.

Fonte: Ministério Público do Trabalho

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".