Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

EXPLICAÇÃO

Ministério pode ser investigado

1 SET 2012Por AGÉNCIA SENADO00h:00

Os integrantes do Conselho de Administração da Empresa Brasileira de Planejamento e Logística do Ministério dos Transportes podem ser investigados pelo Ministério Público em decorrência do pedido de dois senadores.

Uma representação ao procurador-geral da República foi apresentada pelos senadores Roberto Requeião, do PMDB do Paraná, e Randolfe Rodrigues, do PSol do Amapá.

O motivo principal da representação apresentada ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, é o fato de Bernardo Figueiredo, que teve o nome rejeitado pelo Senado para compor a diretoria da agência Nacional de Transportes Terrestres, ter sido nomeado presidente da Empresa de Planejamento e Logística

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também