Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

Ministério da Saude reforça orientação para uso de oseltamivir em locais com alta circulação do H1N

26 JUL 2012Por Agência Brasil15h:16

O Ministério da Saúde reforçou hoje (26) a recomendação para que o antiviral oseltamivir (de nome comercial Tamiflu) seja receitado a todos os pacientes com sintomas de gripe residentes em estados onde há alta circulação do vírus Influenza H1N1, como Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina.

Por meio de nota, a pasta ressaltou que a orientação é válida inclusive para pacientes que estão fora do chamado grupo de risco, que inclui gestantes, crianças maiores de 6 meses e menores de 2 anos, idosos, profissionais de saúde e índios.

O ministério também destacou que o medicamento deve ser administrado até 48 horas após o aparecimento dos primeiros sintomas, sem que se necessite aguardar resultados laboratoriais ou sinais de agravamento da doença.

Ainda de acordo com o comunicado, todos os estados e municípios do país estão abastecidos com o oseltamivir. Este ano, foram repassadas às secretarias estaduais de Saúde 418,8 mil caixas do remédio, cada uma contendo dez comprimidos, suficientes para um tratamento completo.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também