Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

113 ANOS

Michel Teló faz show para comemorar aniversário da Capital

Michel Teló faz show para comemorar aniversário da Capital
23/08/2012 08:31 - CG Notícias


No próximo domingo, dia 26 de agosto, data em que se comemora o aniversário de 113 anos de Campo Grande, haverá uma extensa programação. Às 6h terá a Alvorada Festiva, no Gabinete da Esplanada; inauguração da ampliação da galeria de ex-prefeitos (6h30); a corrida do facho (7h) e o desfile cívico (8h). 

Para fechar a data com chave de ouro, a prefeitura preparou um show do cantor, compositor e multi-instrumentista Michel Teló. Com entrada gratuita, a apresentação do músico, que começou sua carreira artística na Cidade Morena, terá início às 19h30, no Parque das Nações Indígenas.

Sobre o artista
Michel Teló nasceu em Medianeira/PR, no dia 21 de janeiro de 1981. Foi no Grupo Tradição que sua carreira como vocalista tomou impulso. O cantor já figurou na parada Social 50 Music Chart a frente de Madonna e Coldplay, da revista americana Billboard, que mede a popularidade dos artistas nas redes sociais.

Em carreira solo, Teló lançou um álbum de estúdio e dois ao vivo. O primeiro single de seu segundo álbum ao vivo, "Ai se eu te pego", tornou-se o segundo número um na Billboard Brasil Hot 100, chegando ainda à primeira posição na Alemanha, Espanha e Itália deixando para trás grandes nomes da música mundial como Adele, Rihanna, Lady Gaga, David Guetta e Usher.

Também atingiu o recorde ao ter a canção brasileira com maior número de visualizações do Youtube, com mais de 100 milhões de acessos. Ainda em 2011, foi a décima pessoa mais acessada da Google Brasil. E já declarou que Campo Grande é uma fonte de inspiração para as suas composições.

Felpuda


Malfeitos que teriam sido praticados em tempos não tão remotos podem ser a pedra no caminho de pré-candidatura que está sendo costurada. As conversas ainda estão nas “ondas da rádio-peão”, mas, com a proximidade da campanha eleitoral, há quem diga que isso se tornará uma tremenda dor de cabeça para quem vai enfrentar as urnas. Pior:  o dito não seria culpado direto, mas sim a sua...  Bem, deixa rolar para ver onde vai parar.