Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

Ribas do Rio Pardo

Menores delinquentes continuam soltos

5 DEZ 2010Por Vânya Santos03h:30

O tio e o casal de adolescentes foram flagrados vendendo droga em Ribas do Rio Pardo, no início de novembro deste ano. Por ser maior de idade, o tio continua preso. Já os menores permaneceram na delegacia por cinco dias e foram soltos porque na cidade não há local apropriado para abrigá-los. A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) recebeu ofício comunicando o fato, mas respondeu explicando que quem autoriza a internação é o juiz da Vara da Infância e Juventude, Danilo Burin. O magistrado, por sua vez, negou pedido de internação sob a alegação de falta de vagas.

Como não é tradição no município, o delegado Reginaldo Salomão acredita que se o casal de adolescentes infratores fosse internado serviriam de exemplo para os menores da cidade. "Seria uma boa solução porque os outros se assustariam", garantiu o titular, explicando que a Polícia Civil tem intensificado as rondas e as abordagens em Ribas, em parceria com a Polícia Militar. "Restou para a polícia dificultar a atuação e descapitalizar o grupo, afastando as pessoas desses menores".

Paralelo ao terrorismo praticado pelos adolescentes, os furtos têm ocorrido com mais frequência na cidade. O delegado explicou que o líder fornece pasta-base de cocaína e seus seguidores são usuários da droga. Na falta de dinheiro, os dependentes furtam. Os moradores têm sido orientados a não comprar os objetos vendidos pelos infratores porque isso alimenta o tráfico de entorpecentes. (VS)

Leia Também