Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DRAMA

Menina que caiu no vão de escada rolante do Galeão segue internada

8 JAN 14 - 17h:45AGÊNCIA BRASIL

Permanece estável o estado de saúde da menina argentina Camila Palacios, de 3 anos, que caiu de uma altura de 5 metros no vão de uma escada rolante no Terminal 2 do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro-Galeão/Tom Jobim no último sábado (4). A informação foi divulgada hoje (8) pela Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com a secretaria, a menina segue internada no Centro de Terapia Intensivo (CTI) do Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, zona sul do Rio, mas sem previsão de deixar o hospitalar, embora o quadro clínico esteja evoluindo bem. O órgão divulgou ainda que Camila não precisou passar por cirurgia e não corre risco de morrer, devendo ser transferida nos próximos dias para outro setor do hospital.

A Polícia Civil informou que a Delegacia do aeroporto, que investiga o caso, aguarda o resultado da perícia e que testemunhas estão sendo ouvidas.

Após a fiscalização feita esta semana, o Procon do Rio autuou a Empresa de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) por irregularidades encontradas nos aeroportos do Rio. A multa pode chegar a R$ 7 milhões.

A Infraero tem um prazo de 15 dias, a partir do dia em que a multa foi aplicada, para se manifestar. Segundo o Procon, a multa é calculada de acordo com a gravidade do problema, mas ainda não tem valor definido.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Bueiro a céu aberto deixa morador indignado “parece novela"
PATRULHA DA CIDADE

Bueiro aberto deixa morador indignado “parece novela"

Agronegócio perde quase <br>R$ 2 bilhões com soja e cana
VALOR DA PRODUÇÃO

Agronegócio perde quase
R$ 2 bilhões com soja e cana

Mesmo sem simulador, <br>custo da CNH não deve cair
TRÂNSITO

Mesmo sem simulador,
custo da CNH não deve cair

Polícia Federal deve investigar <br>origem de arsenal
GRUPO DE EXTERMÍNIO

Polícia Federal deve investigar
origem de arsenal

Mais Lidas