Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 14 de novembro de 2018

Ex-presidente

Médico nega piora de Lula após ausência em comício

8 SET 2012Por G100h:00

Após a ausência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em comício no Nordeste neste fim de semana, o médico pessoal de Lula, o cardiologista Roberto Kalil Filho, afirmou nesta sexta-feira (7) ao G1 que não houve alteração no quadro de saúde.

Segundo o jornal "Estado de S. Paulo", o candidato à Prefeitura de Teresina, senador Wellington Dias (PT), afirmou nesta quinta (6) durante ato de campanha que o ex-presidente teve que cancelar participação prevista em uma carreata na cidade porque estaria com baixa imunidade.

A assessoria de Wellington Dias informou ao G1 que a participação de Lula teria sido negociada na segunda quinzena de agosto, quando o candidato encontrou-se com o ex-presidente em São Paulo para gravar um programa eleitoral. Na ocasião, ficou decidido também, segundo assessoria da campanha, que Lula visitaria ainda as cidades de Salvador, Recife e São Luiz. A visita, porém, não estava confirmada.

Nesta quinta, o candidato disse que Lula não participaria da atividade por "ordem médica". "A viagem foi cancelada por ordem médica, pois Lula não está bem de saúde. Os médicos constataram que sua imunidade se deteriorou." O G1 não conseguiu contato com o senador Wellington Dias nesta sexta.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também