POLÍTICA

Médico alerta para complicações

Médico alerta para complicações
25/03/2010 00:06 -


O grande problema do refluxo é que muitas pessoas se acostumam com a azia, usando paliativos para aliviar a queimação, como sal de frutas ou bicarbonato de sódio, indiscriminadamente. Essa “automedicação” pode levar a algumas complicações da doença. A parede do esôfago não é própria para receber o ácido, pois é revestido de um tecido muito sensível. Segundo o especialista, caso não seja tratada, a DRGE pode evoluir para outra doença chamada de Esôfago de Barrett. Nestes casos, o refluxo gastroesofágico pode evoluir para esta alteração da mucosa, predispondo o paciente ao câncer”, alerta. Outras complicações são a estenose (fechamento do esôfago por processo inflamatório), a úlcera e, eventualmente, até sangramento esofágico pode ocorrer. As complicações são facilmente evitadas se o paciente procurar o médico de forma precoce, ou seja, no início dos sintomas. (SC)
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".