Quarta, 13 de Dezembro de 2017

McDonald's no Equador faz acordo e deixa de importar

6 FEV 2014Por agência brasil22h:00

O governo do Equador firmou convênio com a rede americana de fast food McDonald's, pelo qual a empresa compromete-se a preparar cardápio com produtos equatorianos. O acordo obedece à política de substituição de importações, que está em fase de implementação.

A empresa terá de adquirir produtos como, carne, frango, queijo, batata, suco, etiqueta e copo produzidos pela indústria equatoriana. O acordo prevê também a compra de 1,5 milhão de dólares em azeite de palma destinado à preparação dos alimentos vendidos na rede.

O ministro de Indústrias, Ramiro González, disse hoje (6) que o convênio com o Mc Donald's é exemplo do que o governo pretende fazer para substituir a importação de 239 produtos. Segundo ele, desde dezembro do ano passado, o país deixou de importar 200 milhões de dólares, a quarta parte da meta projetada para este ano.

“Existe uma resposta positiva e imediata dos empresários para aumentar a produção e dinamizar a economia do país”, explicou o ministro. Até 2017, o governo do Equador espera substituir mais de 6 bilhões de dólares em importações por produtos nacionais.

*Com informações da Agência Pública de Notícias Equatoriana e Sul-Americana (Andes)

Leia Também