Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

F-1

Massa diz ter sido prejudicado por Hamilton no treino

14 NOV 2010Por ESTADÃO01h:23

Felipe Massa atribuiu a Lewis Hamilton a sua modesta sexta posição no grid de largada para o GP de Abu Dabi, a última e decisiva etapa da temporada da Fórmula 1, neste domingo, nos Emirados Árabes. O ferrarista disse que foi atrapalhado pelo inglês da McLaren tanto no Q2 como em sua última volta rápida no Q3 do treino oficial. 

No Q2, Massa foi fechado por Hamilton enquanto fazia uma volta rápida. A transmissão gerada pela FOM (Formula One Management), empresa que cuida dos direitos de televisão da categoria, mostrou o inglês reclamando de ter sido jogado fora da pista na conversa por rádio com a McLaren. No Q3, Massa diz ter sido prejudicado pela lentidão de Hamilton para abrir a última volta, a poucos segundos do fim do treino. De fato, o brasileiro abriu o giro em cima do zerar do cronômetro e diminuiu a velocidade por achar que não havia conseguido passar a tempo. 

"Na minha última volta, peguei muito tráfico e tudo ficou muito confuso, especialmente porque Hamilton, que estava na minha frente, diminuiu a velocidade na curva 14. Eu vi a luz vermelha e instintivamente pensei que não daria para abrir a volta rápida. Na verdade consegui, mas não acelerei tão forte como poderia. Então voltei para os boxes quando percebi que não melhoraria meu tempo", explicou. "Foi uma pena porque eu definitivamente poderia ter conquistado uma posição melhor no grid." 

Na final da sessão oficial, Massa foi convocado pelos comissários de pista para dar sua versão aos incidentes, mas nenhuma outra medida foi anunciada pela FIA. 

Neste domingo, Massa dividirá a quinta fila com Mark Webber e a Ferrari espera uma largada ousada do brasileiro para segurar o australiano, concorrente de Fernando Alonso na briga pelo título. "Espero conseguir ganhar posições na largada e fazer o máximo pelo time."

Leia Também