Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

TROCO

Marun admite voltar para a Assembleia Legsilativa

15 JUL 12 - 00h:00JULIENE KATAYAMA

O secretário de Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun (PMDB), afirmou ser bem provável seu retorno à Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. A volta dele à Casa de Leis é uma retaliação ao PSDB que quebrou a aliança de mais de vinte anos com o PMDB na Capital para lançar candidatura própria. O suplente de Marun é o deputado tucano Professor Rinaldo.

“Com o completo rompimento do PSDB que já demonstrou aliança com a oposição em caso de segundo turno, não tem por que ceder uma para eles”, afirmou o secretário. Ele ainda disse que o governador André Puccinelli (PMDB) vai ter a visão para decidir sobre sua volta à Assembleia.

Esta não é a primeira vez que Professor Rinaldo sofre a pressão do governador por conta da candidatura do deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) a prefeito de Campo Grande. Logo que os tucanos anunciaram o projeto político, o retorno do secretário retornar ao seu cargo legislativo foi cogitado.

Para Marun, aquele não era o momento de deixar a secretaria por causa dos projetos administrativos. “Há 60 dias não era o momento de sair da secretaria, hoje é o tempo certo porque já concluímos diversos trabalhos e entregamos muitas casas”, pontuou Marun. Ele, no entanto, não divulgou a possível data para retornar ao Legislativo.

Outro lado
O deputado tucano Professor Rinaldo disse estar tranquilo com qualquer decisão a ser tomada, mesmo se tiver que deixar a cadeira na Assembleia.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

78 SETORES

Autorização para trabalho aos domingos e feriados será permanente

MERCADO FINANCEIRO

Dólar recua 1% e tem maior queda do mês com declarações de Trump e Draghi

Nove são presos por suspeita de envolvimento com furto de cocaína em delegacia
INVESTIGAÇÃO EM SIGILO

Nove são presos por envolvimento com furto de cocaína em delegacia

Acusada de negligência, prefeitura renova licença do Alphaville 3
DEZ ANOS

Acusada de omissão, prefeitura renova licença do Alphaville

Mais Lidas