terça, 17 de julho de 2018

falhas ocorridas

Marisa Serrano critica erros e cobra explicações

9 NOV 2010Por Silvia Tada02h:50

A senadora por Mato Grosso do Sul, Marisa Serrano (PSDB), criticou ontem, na tribuna do Senado, as falhas ocorridas na aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e cobrou explicações do ministro da Educação, Fernando Haddad, sobre o caso. A parlamentar aproveitou para tecer comentários sobre a qualidade da educação no País, que segundo ela não está bem encaminhada como disse a presidente eleita Dilma Rousseff (PT).

"Não posso admitir que uma presidente eleita não coloque a Educação como prioridade nacional, que ache que ela está muito bem e não precisa mais de ajustes porque vai muito bem. Não vai não, presidente Dilma", argumentou a senadora.

Marisa destacou que, pelo segundo ano, o Enem apresenta falhas graves, a ponto de as provas serem ameaçadas de cancelamento, no caso deste ano.

Outro ponto negativo destacado pela parlamentar foi o estudo da organização não-governamental Todos Pela Educação baseado em dados da Prova Brasil de 2008, cujos dados indicam que somente 25% dos alunos que chegam à 4ª série do ensino fundamental aprenderam matemática em níveis mínimos esperados. Dos que chegam à 8ª série, até então a última série do ensino fundamental, já que agora há o 9º ano, apenas 14% aprendem a disciplina. E isso, segundo afirmou, é um desprestígio e um desalento para o País.

Leia Também