Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PREVENÇÃO

Marinha faz teste para a Copa do Mundo 2014

20 FEV 14 - 22h:00AGÊNCIA BRASIL

A Marinha do Brasil faz, pela primeira vez, uma operação de fiscalização conjunta em todo o país. Com a participação da Polícia Federal e órgãos ambientais, em um teste para a Copa do Mundo, a ação tem o objetivo de flagrar irregularidades na documentação de embarcações, falta de equipamentos de segurança e despejo de resíduos químicos na costa brasileira.

                                     Marinha faz simulação de operação de patrulha e inspeção naval (Foto: Tânia Rêgo/ABr)

No Rio de Janeiro, onde a Marinha fez simulação de procedimentos para a abordagem, o comandante Cláudio Pereira da Costa explicou, hoje (20), que um dos focos de atuação é a Baía de Guanabara. “O objetivo principal é salvaguarda da vida humana, ver se a embarcação tem todos equipamentos de segurança a bordo, mas também verificar irregularidades, como contrabando”.

Durante a operação, os militares deixam o navio-patrulha em um bote para fazer as vistorias em barcos pesqueiros, petroleiros ou navios mercantes. Em algumas circunstâncias, pode ser necessário o uso da força, como suspeita de tráfico de drogas.

Cerca de 30 mil militares e 60 navios participam da operação nacional, que começou segunda-feira e se estenderá até sábado (22). No Rio, 300 embarcações foram fiscalizadas e, em 11, foram constadas irregularidades que podem gerar multas e até a retenção dos barcos. No estado, participam a operação as polícias Civil e Militar.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

UFGD prorroga inscrições de vestibular até 25 de outubro
NOVO PRAZO

UFGD prorroga inscrições de vestibular até 25 de outubro

ECONOMIA

Pan, BMG e Bradesco lideram ranking de reclamações contra bancos do BC

ECONOMIA

Superintendência do Cade decide arquivar inquérito contra bandeiras de cartões

BRASIL

Quadrilha desviava cartões de crédito remetidos pelos Correios

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião