Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 13 de dezembro de 2018

Maradona deixa o comando da Argentina

28 JUL 2010Por 05h:46
Buenos Aires, Argentina

O ídolo maior do futebol argentino Diego Armando Maradona não é mais o técnico da seleção do país. Depois de muito tempo de especulação, ficou decidido que Dieguito não treinará mais o selecionado albiceleste.
Maradona ficou chateado com a atitude da federação do país, que decidiu mudar alguns integrantes de sua comissão técnica sem consultá-lo.
O ex-treinador teve uma reunião com os dirigentes da Associação de Futebol da Argentina (AFA) e acabou decidindo deixar o cargo, depois de ter passado algum tempo pensando após a Copa.
Ainda não está definido quem será seu substituto. Para o jogo contra a Irlanda, que acontece no mês que vem, no dia 11, entretanto, o comandante deverá ser Sergio Batista, que é o atual técnico da seleção olímpica e da sub-20 do país vizinho.
A imprensa argentina, porém, já começou a especular sobre a identidade do sucessor de Diego Maradona. A imprensa do país sul-americano fala, agora, no nome de Alejandro Sabella, atual treinador do time Estudiantes, 55 anos, para suceder-lhe.
Outros nomes citados são os de Miguel Angel Russo, técnico do Racing Club; Sergio Batista, que treinou a equipe campeã olímpica de 2008, ou ainda Carlos Bianchi, favorito e velho conhecido dos torcedores.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também