COPA 2014

Maracanã está com 66% das obras concluídas

Maracanã está com 66% das obras concluídas
06/09/2012 14:42 - Terra


Com 66% das obras concluídas, o Maracanã é o ponto de partida da Fifa e do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo de 2014 para reuniões operacionais em todos os estádios para Copa das Confederações e Mundial. O encontro desta quinta-feira reuniu 70 pessoas de 15 áreas operacionais das duas entidades com o governo do Rio para conhecer melhor o estádio e afinar processos.

"Queremos que, quando a competição começar, todos os clientes do jogo sejam bem atendidos" disse Ricardo Trade, diretor de operações do COL, explicando os clientes são jogadores, árbitros, imprensa e público. Fulvio Danilas, diretor do escritório da Fifa no Brasil, explica que durante a visita, os membros de cada setor conhecem melhor os caminhos de cada estádio, tiram dúvidas sobre deslocamentos de jogadores desde que descem do ônibus até que entram no campo, por exemplo.

Por operação, entende-se tudo o que está dentro do estádio e no entorno dele para garantir, por exemplo, um melhor fluxo do público no acesso ao local no dia dos jogos. E isso pode passar pela demolição do Museu do Índio, ao lado do Maracanã. O governador do Rio, Sergio Cabral já tinha revelado essa exigência da Fifa, que não foi desmentido pelo diretor da entidade no Brasil, Fulvio Danilas. "A Fifa sempre busca as melhores soluções para que o público tenha conforto e segurança. É importante que o tempo de evacuação do estádio seja em até 8 minutos e a segurança do público seja sempre em primeiro lugar", disse, sem querer citar o pedido de demolição do Museu do Índio.

O vice-governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, disse que as obras do Maracanã estão adiantadas em 16 dias e que, no fim de setembro, as obras vão alcançar a marca de 70% concluídas. Mas isso não quer dizer que o Governo vá entregar o estádio antes do fim de fevereiro, como está previsto. "Vamos entregar o Maracanã à Fifa na data combinada" afirmou. Pezão disse ainda que a previsão é que até o fim de novembro a cobertura do estádio, considerada uma das partes mais críticas da obra, vai estar no lugar.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".