Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORINTHIANS

Mano pede tempo para que seja avaliado

Mano pede tempo para que seja avaliado
20/01/2014 08:45 - g1


O técnico Mano Menezes gostou do que viu na vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre a Portuguesa, neste domingo, no estádio do Canindé. A partida, válida pela primeira rodada do Campeonato Paulista, marcou a reestreia do comandante, que já havia passado pelo Timão entre 2008 e 2010. Apesar das chances desperdiçadas pela equipe, Mano acredita que o desempenho foi satisfatório pelo período reduzido de pré-temporada.

– Gostei do primeiro tempo, da maneira como a equipe soube propor o jogo. Temos trabalhado a parte tática nesta conscientização, precisamos saber como jogar sem dar espaço ao adversário. Criar com qualidade, com bola no chão, sair jogando de trás, como fizemos bem. A única coisa que posso reclamar um pouquinho é que não matamos o jogo, aí fica aquela angústia, no 2 a 1. A equipe, de um modo geral, se comportou muito bem. Saio contente com esse jogo – analisou, em entrevista coletiva após a partida.

Efetivo na criação de jogadas, o Corinthians construiu o resultado ainda no primeiro tempo. Em tarde inspirada de Romarinho, o Timão abriu o placar com o atacante e ampliou a vantagem com o volante Guilherme. Na etapa complementar, a Lusa passou a atacar mais, e chegou a assustar com a possibilidade real de empate, mas o time do Parque São Jorge acabou com os três pontos na estreia em 2014.

As alterações táticas promovidas por Mano Menezes na equipe fizeram efeito: com Danilo e Romarinho preocupados não só em atacar, mas também em criar e ajudar Guerrero, o Corinthians conseguiu trocar passes e manter a posse de bola no Canindé. O técnico acredita que ainda não se deve tirar conclusões precipitadas, e que apenas a sequência dirá se o Timão está no caminho certo.

– Você tem experiências, avalia, vê o que aconteceu, o que precisa ser melhorado e modificado. É natural em todas as equipes no início da temporada. Eu propus tirar um homem com característica de atacante para colocar um meia. Ganhamos uma passagem boa pelo lado, o Uendel fez uma parceria boa com o Danilo, e a bola passou bem. Vamos avançando. Um jogo é pouco – argumentou.

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), contra o Paulista de Jundiaí. Mandante, a equipe jogará no estádio Décio Vitta, em Americana, por conta de uma punição sofrida na última edição do estadual.

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!