Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sábado, 17 de novembro de 2018

amistoso

Mano condena torcida e avalia: 'não fomos tão mal'

8 SET 2012Por terra00h:00

A torcida roubou a cena no amistoso entre Brasil e África do Sul, nesta sexta-feira. Com vaias e pedidos por mudanças, os paulistas que foram para o Estádio do Morumbi incomodaram o técnico Mano Menezes. Após a vitória suada por 1 a 0, ele avaliou que esses protestos atrapalharam o desempenho da equipe nacional.

"Gostaria que o ambiente aqui fosse mais favorável, e a falta de uma tranquilidade maior atrapalhou um pouco. Trabalhamos com paciência, criamos oportunidades a partir de algumas situações que poderíamos fazer", relatou em ele, ao descrever o primeiro tempo.

Na etapa final, porém, o Brasil caiu de produção. Mesmo assim saiu o segundo gol de Hulk, que serviu como pretexto para Mano se defender das críticas: "perdemos o controle em 15 minutos do segundo tempo, não jogamos bem. Com alterações retomamos o controle da partida, o que foi suficiente para nos dar uma vitória. Assim que temos que nos comportar, a tranquilidade que temos e só assim ganharemos jogos assim", concluiu.

Além de reclamar da torcida, Mano também não gostou da postura da África do Sul. De acordo com o técnico, era esperado que a África do Sul atacasse com mais frequência, mas na prática o time atuou recuado e disposto a surpreender apenas nos contra-ataques. O técnico do Brasil recomendou paciência para a equipe vencer contra times que atuem dessa maneira.

"O primeiro aspecto que discordamos é que não acho que tenhamos jogado muito mal. Concordamos em dizer que não jogou bem, mas muito mal não. Ontem discutimos a possibilidade de a África nos atacar, propor jogo ofensivo e com espaços. Desde o início eles esperaram por nós atrás, e nessas circunstâncias temos que ter paciência, tocar a bola e ter tranquilidade", pediu.

Agora a Seleção Brasileira vai enfrentar outra seleção que não deve partir para o ataque: nesta segunda-feira, o time de Mano Menezes vai encarar a China, em amistoso que será disputado em Pernambuco.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também