Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Manifestação no Tarumã cobra mais segurança

21 FEV 10 - 07h:47
Apesar da prisão de dois envolvidos no crime, familiares e amigos do adolescente Paulo Henrique Rodrigues, morto na semana passada, durante assalto a uma mercearia no Jardim Tarumã, promovem hoje à tarde, no mesmo bairro, uma manifestação contra a violência. O protesto está marcado para as 14 horas, na Rua Acáia, esquina com a Rua Itaóca, em frente ao estabelecimento comercial assaltado. Paulo Henrique Rodrigues, 17 anos, estava em uma bicicletaria, no outro lado da rua, e acabou sendo atingido por um disparo ao levantar-se após perceber o roubo que estava acontecendo na mercearia, que pertence a familiares. O crime aconteceu por volta das 11h30min de quartafeira, qunado o tiro acertou o peito do rapaz, que não resistiu aos ferimentos. Ele morreu antes de chegar ao Centro Regional de Saúde da Coophavila II, próximo ao Jardim Tarumã. Na sexta-feira, policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras) prenderam Marcelo de Souza Ribeiro, 19 anos, e Alessandro da Anunciação, 27 anos, responsabilizados pelo roubo à mercearia. Marcelo seria o autor do disparo e foi detido na região das Moreninhas. Ambos tinham passagem policial por diversos crimes. Alessandro era evadido da Colônia Penal Agrícola, onde cumpria final de condenação por homicídio, e já teve passagem por roubo, receptação e estelionato. Marcelo teve passagens por roubo, receptação e porte ilegal de arma. A polícia investiga se os homens são responsáveis por outros roubos à mercearia dos familiares de Paulo, além de diversos crimes. A polícia chegou primeiramente a Alessandro. A pistola utilizada no assalto estava em seu poder, enterrada no quintal da residência, dentro de uma panela de pressão, após ser limpa e desmontada, com o objetivo de dificultar a ação policial. O preso afirmou que o autor do disparo [e Marcelo, morador do Bairro Moreninhas. A versão de Marcelo é de que o tiro disparado contra o adolescente foi feito ao acaso. (TG)
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Polícia investiga denúncia de criança estuprada por adolescente em associação de câncer infantil
CAMPO GRANDE

Mãe denuncia que filho foi estuprado por adolescente em instituição contra o câncer

Requalificação da 14 de Julho<br> já tem 85% das obras concluídas
REVIVA CAMPO GRANDE

Requalificação da 14 já tem 85% das obras concluídas

Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir voz de Deus"
PRESO EM CAMPO GRANDE

Adélio diz que esfaqueou Bolsonaro "após ouvir Deus"

O primeiro robô brasileiro <br>com Inteligência Artificial, o Tinbot,<br> vêm à Campo Grande
TECNOLOGIA

O primeiro robô brasileiro com Inteligência Artificial, o Tinbot, vêm à Campo Grande

Mais Lidas