Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Manchester libera e Robinho está de volta à Vila Belmiro

Manchester libera e Robinho está de volta à Vila Belmiro
29/01/2010 07:52 -


Robinho foi emprestado pelo Manchester City, da Inglaterra, ao Santos, até o dia 4 de agosto, conforme publicado no site oficial do clube inglês. O “Rei das pedaladas” não vive boa fase na Europa e preferiu voltar ao Brasil para garantir vaga na Copa do Mundo da África do Sul, que começará em junho. “Robinho é um jogador que precisa atuar regularmente, e nós desejamos o melhor a ele durante o período do empréstimo”, declarou Roberto Mancini, técnico do City, para o site do clube. A apresentação do ídolo da torcida ainda não tem data marcada, mas o jogador deverá viajar para o Brasil no domingo. A estreia deverá acontecer no jogo contra o São Paulo, dia 7 de fevereiro. O novo camisa 7 do Santos aceitou redução no seu salário para viabilizar o retorno. O salário será pago por patrocinadores conseguidos pelo clube do litoral, em uma forma semelhante à do atacante Ronaldo, que joga pelo Corinthians. Com o retorno do “Rei das pedaladas”, o Santos reúne três gerações de ídolos. Agora, estão no mesmo elenco Giovanni, que se destacou na década passada, Robinho, que conquistou o bicampeonato brasileiro em 2002 e 2004, e os jovens Paulo Henrique Ganso e Neymar, que são apontados como futuros craques do futebol brasileiro. Revelado nas categorias de base do clube santista e após conseguir os títulos nacionais no início da década, Robinho foi para o Real Madrid, em 2005. Na época, o Santos não queria negociá-lo, mas o atleta chegou até mesmo a parar de jogar para forçar sua saída e acabou vendido por US$ 50 milhões. Em 2008, foi negociado com o Manchester City, time inglês com poderio financeiro, mas sem tanta tradição no país. Nos últimos jogos, estava sem posição no time titular garantida e pediu para mudar de ares.

Felpuda


Pré-candidato pode estar sendo “fritado” sem ao menos perceber. Redes sociais que têm estreitas ligações com ex-cabecinhas coroadas e que prometeram apoio estão enaltecendo que só certo pré-candidato de outro partido. Quem conhece as ditas figurinhas de, digamos, outros carnavais, acredita que está em curso operação sorrateira para mudar internamente os rumos da futura campanha. Trocando em miúdo: ceder a cabeça de chapa.