Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Mamografias periódicas não reduzem mortes por câncer de mama, diz estudo

13 FEV 14 - 07h:00olhardigital

Um estudo da Universidade de Toronto, no Canadá, chegou à polêmica conclusão de que as mamografias periódicas não ajudam a diminuir as mortes causadas por câncer de mama. De acordo com os pesquisadores, que passaram 25 anos falando com cerca de 90 mil mulheres entre 40 e 59 anos, fazer o teste periodicamente é tão eficaz quanto se submeter a exames físicos.

Conforme publicado pela LiveScience, chegou-se a tal conclusão após se verificar que a quantidade de mulheres mortas pela doença no grupo das que passaram pela mamografia foi quase igual à das que não fizeram.

Após 20 anos, 3.250 das que fizeram o exame e 3.133 das que não fizeram foram diagnosticadas, sendo que vieram a falecer 500 mulheres do primeiro grupo e 505 do segundo. E uma a cada 424 mulheres que fizeram o exame acabaram diagnosticadas erroneamente.

Também foi levantada uma questão sobre tratamentos desnecessários, visto que 22% dos cânceres diagnosticados eram de tipos que não causam sintomas da doença e não reduziriam o tempo de vida se deixassem de ser detectados.

A mamografia periódica, dizem os pesquisadores, é dispensável. Entretanto, o dr. Anthony Miller, que participou do estudo, ressalta que é importante recorrer ao método quando exames físicos encontram alguma suspeita: "Este é o momento em que a mamografia pode definitivamente ser muito informativa como uma ferramenta de diagnóstico."

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Tratamento para tuberculose é recorde, mas 3 milhões não têm acesso
SAÚDE

Tratamento para tuberculose é recorde, mas 3 milhões não têm acesso

Everton lamenta derrota para Fortaleza, mas pede foco para decisão contra o Flamengo
FUTEBOL

Everton lamenta derrota para Fortaleza, mas pede foco para decisão contra o Flamengo

No Japão, Bolsonaro terá encontro bilateral com presidente da Ucrânia
VIAGEM

No Japão, Bolsonaro terá encontro bilateral com presidente da Ucrânia

Número de mortos em desabamento de prédio em Fortaleza sobe para 9
TRAGÉDIA

Número de mortos em desabamento de prédio em Fortaleza sobe para 9

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião