Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ELEIÇÕES 2012

Mais de 500 mil urnas serão usadas

Mais de 500 mil urnas serão usadas
16/08/2012 10:22 - Da redação


As eleições municipais de outubro contarão com 501.923 urnas eletrônicas, distribuídas entre todos os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) do país. Os equipamentos atenderão os mais de 138,5 milhões de eleitores que votarão nas Eleições 2012. Apenas os eleitores do Distrito Federal, de Fernando de Noronha-PE e os que residem no exterior não votarão nas eleições municipais deste ano.

Do total de 501.923 urnas, 35 mil são novas, do Modelo UE 2011, adquiridas para atender à demanda crescente do eleitorado. Destas, 26.670 já foram entregues ao TSE pela fábrica em Santa Rita do Sapucaí-MG, restando entregar 8.330, o que será feito até o próximo dia 17 de agosto, no máximo.

As outras urnas eletrônicas são dos modelos UE 2010 (117.835), UE 2009 (194.665), UE 2008 (57.849), UE 2006 (24.643) e UE 2004 (71.931), sendo que os modelos 2004, 2006 e 2008 correspondem ao quantitativo de urnas que estão sendo atualizadas.

Tal atualização se refere ao hardware das respectivas urnas, que possuíam como mídia de resultado os ultrapassados disquetes. Esses disquetes estão sendo substituídos por outra mídia de resultado, semelhante a um pen drive (USB). Também está sendo feita a substituição dos cartões de memória contidos nas urnas eletrônicas, os flash cards, por cartões com capacidade maior.

Cada urna eletrônica, independentemente do ano de fabricação, tem vida útil de 10 anos, podendo ser plenamente utilizada nesse período.

Identificação biométrica

As urnas que serão disponibilizadas para as Eleições 2012 já contam com o leitor biométrico para a identificação do eleitor por meio das impressões digitais, com exceção dos equipamentos Modelo UE 2004.

No pleito de outubro, serão identificados pela nova tecnologia mais de 7,7 milhões de eleitores de 299 municípios de 24 Estados do país.

A biometria permite à Justiça Eleitoral garantir ainda mais segurança à identidade do eleitor, uma vez que cada pessoa possui digitais únicas, o que impede a tentativa de fraude no momento da votação.

Felpuda


Dois pedidos de desculpas, de autorias diferentes, foram assuntos muito comentados nas redes sociais com críticas ácidas às suas declarações, até porque os envolvidos não só os usaram despropositadamente, como tiveram de voltar a eles para se redimirem. Um deles, inclusive, quase criou uma crise política da-que-las, o que obrigou seu pai, figurinha carimbada, a pular miúdo para colocar panos quentes sobre a questão. Essa gente!...