Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

PERIGO

Mais de 170 cobras escapam de serpentário em São Paulo

24 DEZ 2010Por TERRA10h:18

A Polícia Ambiental de Ribeirão Preto e o Corpo de Bombeiros fazem nesta sexta-feira uma busca por 173 cascavéis e quatro jararacas que escaparam de uma fazenda em Serra Azul, município localizado a cerca de 300 km de São Paulo (SP). O serpentário era mantido por um biólogo que extraía o veneno das cobras para a indústria farmacêutica.

A fazenda está localizada próxima ao rio Pardo, na divisa com a cidade de Santa Cruz da Esperança. De acordo com a Polícia Civil de Serra Azul, os animais fugiram na última terça-feira após o criadouro onde se encontravam ter sido arrombado. O responsável fez um boletim de ocorrência na tarde de ontem e informou que encontrou os cadeados do local quebrados.

Ainda segundo a Polícia Civil, o biólogo possui autorização do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais) para realizar o serviço.

Os moradores foram alertados sobre os riscos que os animais podem oferecer, já que todos são venenosos. Segundo a Polícia Ambiental, algumas cobras foram recapturadas na tarde de ontem. No entanto, a corporação não soube informar o número exato. Um novo balanço deve sair por volta das 14h desta sexta.

Leia Também