Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

NACIONAL

Mais cinco pessoas têm alta após acidente com balões no interior de SP

31 OUT 2010Por G112h:00

Mais cinco pessoas tiveram alta após se ferirem em um acidente envolvendo balões neste sábado (30), em Boituva, a 121 km de São Paulo. Um piloto e dois passageiros morreram e 16 pessoas ficaram feridas. Duas delas já tinham recebido alta no sábado e foram ouvidas pela polícia civil da cidade, que começou a apurar as causas do acidente no mesmo dia.

Entre os feridos, o caso mais grave é o de uma mulher que teve várias fraturas pelo corpo, entre elas traumatismo craniano. Ela foi levada para dois hospitais no interior antes de ser tranferida para a capital paulista.

Causas

Uma rajada de vento pode ter derrubado dois balões, segundo um piloto que fez um pouso de emergência com o terceiro balão. O delegado responsável pelas investigações, Silvan Renosto, já pediu a perícia dos aparelhos de voo.

De acordo com o secretário da Segurança Pública de Boituva, Cássio Werneck, três balões decolaram por volta das 8h20 quando sofreram uma rajada forte de vento, que provocou a queda de dois deles. Um deles conseguiu fazer um pouso de emergência.

Segundo o presidente da Confederação Brasileira de Balonismo, Edson Romagnoli, que tem 53 anos (20 dedicados ao balonismo), ainda não é possível "avaliar as causas". "Provavelmente foi alguma intempérie, alguma mudança climática", afirma. "Foi uma fatalidade, com certeza."

A Prefeitura de Boituva chegou a divulgar o nome dos mortos no acidente, mas voltou atrás no início da noite. Afirmou que, em razão da dificuldade de identificação das vítimas junto aos hospitais, os nomes não estavam confirmados.

Leia Também