Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Lula tem aprovação de 68% da população de Campo Grande

Lula tem aprovação de 68% da população de Campo Grande
01/02/2010 07:02 -


A administração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é considerada ótima ou boa por 68% da população de Campo Grande. É o que revela a pesquisa do Ibrape para o Correio do Estado, realizada entre 26 e 29 de janeiro. O levantamento aponta ainda que apenas 5% dos moradores da Capital reprovam a gestão do petista e que 25% avaliam o trabalho como regular. Já 2% dos entrevistados não souberam opinar. A pesquisa também mostra que a aprovação do presidente se mantém estável entre a população de Campo Grande. Em maio de 2009, 66% dos entrevistados consideraram ótima ou boa a administração de Lula. Em agosto, o índice aumentou três pontos percentuais (69%), garantindo a aprovação recorde do petista, na Capital. A tendência se repetiu entre os que não gostam da maneira de atuar do presidente. No início do ano passado, 8% avaliavam como ruim ou péssima a gestão do petista. Já em agosto, o índice caiu para 6%. Resultado entre grupos A aprovação do presidente é maior entre as pessoas acima de 60 anos: 79% consideram a gestão de Lula ótima ou boa, 18% regular e 2%, ruim ou péssima. Os entrevistados da faixa etária de 46 a 60 anos são os segundos que mais aprovam (74%) o governo federal, seguidos de perto pelas mulheres (73%). Por outro lado, os homens, os mais jovens, as pessoas com melhor poder aquisitivo e com formação escolar de nível superior são as que menos aprovam o trabalho do petista. Entre os entrevistados do sexo masculino, 63% avaliam como ótima ou boa a administração, 27% regular e 7% como ruim ou péssima. Enquanto isso, apenas 3% das mulheres consideram ruim ou péssimo o governo federal. O resultado entre os homens se repetiu, sem nenhuma alteração, entre as pessoas da faixa etária de 16 a 29 anos e entre os que recebem mais de seis salários mínimos: 63% aprovam, 27% consideram regular e 7%, ruim ou péssima. A pesquisa revela ainda que 63% dos entrevistados com idade entre 30 e 45 anos também avaliam como ótima ou boa a administração federal, porém apenas 6% reprovam a atuação do presidente, enquanto 29% consideram regular. Já 72% das pessoas que recebem até um salário mínimo revelaram aprovar o trabalho de Lula, 24% acham a gestão regular e 3% ruim ou péssima. Enquanto isso, 65% dos que ganham de um a três salários mínimos acham a administração ótima ou boa e 5% reprovam por completo a atuação do petista. O levantamento do Ibrape aponta ainda que 64% dos entrevistados com renda entre três e seis salários aprovam a gestão de Lula e 7% consideram ruim ou péssima. O menor índice de aprovação do petista figura entre os entrevistados com escolaridade de nível superior, ou seja, 60% avaliam a gestão como ótima e boa e 8% ruim ou péssima. Entre os entrevistados de ensino médio completo, 67% aprovam Lula e 7% reprovam. Por outro lado, 71% das pessoas com ensino fundamental ou analfabetas consideram o trabalho do presidente ótimo ou bom e 3%, ruim ou péssimo. A margem de erro da pesquisa, que ouviu 464 pessoas, é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Felpuda


Malfeitos que teriam sido praticados em tempos não tão remotos podem ser a pedra no caminho de pré-candidatura que está sendo costurada. As conversas ainda estão nas “ondas da rádio-peão”, mas, com a proximidade da campanha eleitoral, há quem diga que isso se tornará uma tremenda dor de cabeça para quem vai enfrentar as urnas. Pior:  o dito não seria culpado direto, mas sim a sua...  Bem, deixa rolar para ver onde vai parar.