Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PALANQUE EM MS

Lula prefere aliança com PMDB e não com PSDB

Lula prefere aliança com PMDB e não com PSDB
27/01/2014 00:00 - DA REDAÇÃO


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva prefere aliança do PT com o PMDB em Mato Grosso do Sul e não vê com nenhum entusiasmo as negociações com o PSDB, conforme reportagem na edição desta segunda-feira (27) do jornal Correio do Estado. O senador Delcídio do Amaral, pré-candidato do PT, no entanto, procura se aproximar dos tucanos para ajudar na eleição de um senador rival do governo petista em troca de apoio ao seu nome para o governo estadual. A aliança só não aconteceu ainda em razão das restrições impostas pela direção nacional dos dois partidos.

A preferência de Lula foi revelada pelo presidente regional do PT, prefeito de Corumbá, Paulo Duarte. Além de Lula, Duarte ouviu, também, do presidente nacional do partido, Rui Falcão, ser mais conveniente se aliar ao PMDB por ser o principal parceiro da  presidente Dilma Rousseff, enquanto o PSDB é o maior adversário político.

“O Lula me falou que conhece a situação daqui (MS), sabe como é, mas ele veria com bons olhos (aliança com o PMDB). A gente fica com essa questão local, né?”, disse referindo-se a histórica rivalidade entre os dois partidos. “O Rui Falcão pensa como o Lula, que haverá muita dificuldade em se aliar com o PSDB”, completou. Duarte explicou que conversou com ambos os petistas após ser eleito presidente regional do partido, no fim do ano passado. A reportagem é de Jéssica Benitez.

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!