Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sexta, 22 de fevereiro de 2019 - 15h38min

Lula adia visita a MS para dia 30 de abril

24 MAR 10 - 09h:55
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva adiou para o dia 30 de abril a sua reunião com o presidente do Paraguai, Fernando Lugo, em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul. A informação foi do diretor paraguaio da hidroelétrica de Itaipu, Gustavo Codas, depois de reunião com Lugo e o embaixador brasileiro no Paraguai, Eduardo dos Santos. O encontro de Lula e Lugo estava previsto inicialmente para o dia 23 de abril. Lula pediu o adiamento da visita, porque dia 23 é a data da posse do novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Cézar Peluso. “Ato que o presidente Lula está obrigado e tem interesse em assistir”, explicou Gustavo Codas. O encontro dos governantes será pautado pelo acordo bilateral assinado por Lula e Lugo em 25 de julho de 2009, em Assunção, no qual está previsto maior benefício ao Paraguai no aproveitamento conjunto da represa, a maior do mundo em funcionamento. As reivindicações paraguaias de receber maior benefício financeiro de Itaipu, foram bandeiras de campanha presidencial de Lugo, no poder desde 15 de agosto de 2008 e cujo triunfo eleitoral, à frente de uma coalizão de ampla base ideológica, significou a quebra de 61 anos de hegemonia do conservador Partido Colorado.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Copa na Capital reúne 200 pilotos  por prêmio de R$ 10 mil
VELOCROSS

Copa na Capital reúne 200 pilotos por prêmio de R$ 10 mil

URGENTE: Circo pega fogo no Jardim Los Angeles
CAMPO GRANDE

URGENTE: Circo pega fogo no Jardim Los Angeles

Recursos para financiamentos terão aporte de R$ 791 milhões
CRÉDITO RURAL

Recursos para financiamentos terão aporte de R$ 791 milhões

Prefeitura lança o 'Big Brother' da saúde e UPAs serão monitoradas por 24 horas
CAMPO GRANDE

'Big Brother' da saúde vai monitorar UPAs por 24 horas

Mais Lidas