Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BALANÇO

Lucro do BNDES se mantém em R$ 8 bilhões

Lucro do BNDES se mantém em R$ 8 bilhões
01/03/2014 00:00 - FOLHAPRESS


Com inadimplência menor, o BNDES registrou lucro de R$ 8,150 bilhões 2013, valor pouco acima do obtido em 2012 (R$ 8,126 bilhões). O resultado veio apesar da redução dos juros cobrados pelo banco, como forma de estimular a economia -em alguns casos, as taxas eram inferiores à inflação.

"Os resultados do balanço do ano passado também mostram melhora em outros indicadores relevantes, com destaque para a redução do nível de inadimplência, que atingiu a mais baixa taxa histórica do Banco, e para a melhora na provisão para risco de crédito", diz o banco, em nota.

Um das linhas que impulsionou o resultado em 2013 foi a Finame, que compensou oscilações dos resultados das operações próprias do BNDES e da BNDESPar. Com isso, a Finame contribuiu com R$ 1,538 bilhão do resultado de 2013, um aumento de R$ 710 milhões em relação ao de 2012. O motivo dessa melhora foi a menor provisão para risco de crédito, que totalizou uma receita de R$ 761 milhões ante R$ 45 milhões em 2012.

Já as operações próprias do BNDES contribuíram com R$ 4,894 bilhões (60,1%) deste resultado, ante R$ 5,393 bilhões no exercício de 2012. A piora se deveu ao menor resultado de intermediação financeira em razão da queda dos spreads (diferença entre o custo da captação e os juros cobrados pelo banco).

Apesar da queda da bolsa, a contribuição da BNDESPar, braço de participações do banco, foi R$ 1,712 bilhão, ligeiramente inferior ao número de 2012 (R$ 1,910 bilhão). "Um dos fatores que explicam esta redução é o menor volume de desinvestimentos [vende de ações] dado o momento de baixas cotações."

Inadimplência

A inadimplência do BNDES caiu, atingindo o percentual de 0,01% em 31 de dezembro de 2013. Trata-se da menor taxa da história. Em setembro de 2013, a inadimplência do BNDES estava em 0,02% e em 31 de dezembro de 2012, em 0,06%.

Segundo o BNDES, seu patrimônio líquido aumentou, totalizando R$ 60,626 bilhões em 2013. Em 31 de dezembro de 2012, era de R$ 49,993 bilhões. 

Felpuda


Figurinha começou a respirar aliviada, embora ainda esteja na corda bamba. Isso porque mudou de mãos o processo cuja sentença poderá mandá-la para casa definitivamente. Assim, pela “jurisprudência” com a qual o “analista” é conhecido, pode ser que o resultado seja bastante favorável, permitindo que a então desesperada pessoa continue com o assento em Brasília. Vamos ver!