Terça, 20 de Fevereiro de 2018

cenário nacional

Lucas Kanieski e Leonardo de Deus emergiram em 2010

27 DEZ 2010Por Eduardo Miranda03h:05

Em 2010, dois nadadores de Mato Grosso do Sul se consolidaram no cenário nacional ao conquistarem títulos importantes na temporada, além da vaga na seleção brasileira para as duas principais competições do ano: o Mundial de Piscina Curta de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, e o Torneio Pan-Pacífico, este disputado nos Estados Unidos.

O douradense Lucas Kanieski, especialista nos 1.500 m livre, mas que também nada distâncias menores, como 800 e 400 m, e o campo-grandense Leonardo de Deus, nadador de distâncias de 100 m e 200 m, nos modos costas e borboleta, demarcaram seus lugares na equipe brasileira, ao lado de atletas já consolidados, como Cesar Cielo e Thiago Peireira.

Lucas Kanieski e Leonardo de Deus mostraram a que vieram em 2010 já nos Jogos Sul-Americanos, em Medelín, na Colômbia, no mês de março. O douradense foi ouro nos 800 m livre, prata nos 1.500 m e nos 400 m. Leonardo de Deus, por sua vez, conquistou o ouro nos 200 m costas e nos 200 m borboleta.

Em seguida, os dois nadadores se destacaram no Troféu Maria Lenk, a principal prova do Brasil, na Copa Latina, e na etapa brasileira da Copa do Mundo. Por causa do desempenho de ambos nestas competições, eles acabaram convocados para integrar a equipe brasileira do Pan-Pacífico e do Mundial, onde não conseguiram chegar ao pódio. (EM)

Leia Também