Sábado, 24 de Fevereiro de 2018

DISTÂNCIA

Longa distância e transporte público não impedem voto

3 OUT 2010Por 07h:31

VIVIANNE NUNES E EVELYN SOUZA

Ele precisa pegar três ônibus em três terminais urbanos diferentes para sair do Jardim Canguru e chegar até o bairro Guanandi onde exerce com orgulho sua cidadania através do voto. O trabalhador autônomo Elcio Gonçalves Oliveira, 41 anos diz que saiu de casa às 5h e só deverá retornar depois do meio-dia por conta da longa distância a ser percorrida. “Espero não ter muita fila”, reclama.

Família

As dificuldades também não impediram o voto do casal Paulo Ramires, 50 anos e Creuza Lopes, 43 anos. Eles moram no bairro Jardim das Meninas e votam no bairro Santa Luzia. A família sai cedo de casa para votar e precisa levar os dois filhos pequenos pois não têm onde deixar. “O frio não nos assustou”, afirmou o pai que irá demorar pelo menos duas horas para chegar ao local de votação. “Os números dos candidatos já estão decorados”, lembrou.
 

Leia Também