Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Livro que inspirou "127 Horas" chega ao Brasil

26 FEV 2011Por Folha06h:05

A história do homem que ficou com o braço preso em uma rocha tem recebido elogios e feito espectadores passarem mal. O longa é protagonizado por James Franco e concorre em seis categorias no Oscar, incluindo melhor filme.

Além da atuação de Franco e a direção de Danny Boyle, "127 Horas" surpreende por se tratar de uma história real. O longa é baseado no livro homônimo, escrito por Aron Ralston, o sobrevivente.

Aron tinha 27 anos quando passou se dedicar ao alpinismo. Experiente, foi para o Parque Nacional de Canyonlands, em Utah, em uma quente tarde de sábado. Sozinho, estava passeando pelo cânion Blue John para descansar das escaladas.

Às 14h41, ele estava a treze quilômetros de onde havia estacionado, em uma fenda profunda e estreita do cânion, quando desalojou uma rocha de quase meia tonelada que caiu sobre a sua mão direita e o pulso. A partir de então foram seis dias até que conseguisse sair.

Em meio ao desespero de se ver preso, com água e comida acabando, Aron lembrou que não havia avisado a ninguém para onde iria. Com a câmera de vídeo que carregava, passou o tempo gravando mensagens de despedida para a família e os amigos.

Na manhã de quinta-feira a solução lhe apareceu. A única coisa que o mantinha preso era o braço, bastava então cortá-lo para que saísse e pedisse ajuda.

Leia Também