Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

Lino supera colombiano no desafio de boxe

27 SET 2010Por 08h:04

Eduardo  Miranda

Em sua primeira luta como profissional no Estado onde nasceu, o boxeador Laudelino Barros, o Lino, conquistou 33ª vitória de sua carreira, de um cartel de 35 combates, com apenas duas derrotas. Após o colombiano Orlando Torres desistir da luta no quinto round, no duelo da noite de sábado, no ginásio da Escola Joaquim Murtinho, Lino acabou vencendo por nocaute técnico, e segue como o dono do cinturão latino-americano da Organização Mundial de Boxe (OMB), na categoria cruzador.
O colombiano Orlando Torres ofereceu muita resistência durante toda a luta, e, sem ir ao chão em nenhuma ocasião, acabou desistindo durante o quinto assalto, depois de sofrer um sequência de golpes na cintura de Lino Barros. No primeiro round, Torres assustou Lino ao acertar um direto na testa, golpe que fez o sul-mato-grossense sangrar bastante, por causa do rompimento do supercílio. Depois do atendimento médico, a luta seguiu normalmente.
O primeiro round terminou empatado, e Lino venceu os rounds seguintes, até a desistência do colombiano.

Outras lutas
Nos outros combates da noite, mais duas vitórias sul-mato-grossenses: Agnaldo Maia nocauteou o paulista José Osmair, e o Sérgio Freitas também não deu chance alguma ao paraense Everton Pereira. Ambas as lutas terminaram no terceiro round.
A noite de combates no Colégio Joaquim Murtinho, prestigiada por aproximadamente 1 mil pessoas, também teve lutas com atletas do boxe amador e olímpico.

Leia Também