Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

tecnologia

Lenovo Group anuncia compra da empresa CCE

5 SET 12 - 15h:40Cleidson Lima, de São Paulo

A Lenovo Group, segunda maior fabricante de PCs do mundo, anunciou nesta quarta-feira, em São Paulo, a aquisição da CCE, empresa líder no mercado de eletrônicos no Brasil. A aquisição expande de forma significativa a presença da Lenovo no terceiro maior mercado de PCs do mundo, ampliando a sua capacidade de fabricação local e seu portfólio, que abrangerá as quatro plataformas de produtos que definem a nova "era PC+": PCs, tablets, smartphones e TVs.

A Lenovo vai manter a equipe de gestão da CCE, incluindo o CEO, Roberto Sverner. A gestão da CCE – que assinou um acordo multianual com a Lenovo para o pagamento de incentivos por desempenho – trabalhará em estreita colaboração com a nova equipe de gestão da Lenovo no país para impulsionar o crescimento de ambas as empresas. A aquisição está sujeita aos procedimentos normais que incluem aprovações regulatórias e deverá ocorrer até o primeiro trimestre de 2013. Durante e após a transição, não haverá interrupção nas operações de ambas as empresas, incluindo fabricação, atendimento, entrega de produtos e garantia. As marcas atuais dos produtos da CCE e da Lenovo permanecerão as mesmas para maximizar os pontos fortes de cada empresa. O atual plano de negócios da empresa não prevê reestruturações no quadro de funcionários como resultado da aquisição.

"Esta aquisição vai dobrar a nossa participação no mercado do Brasil, que é um dos mercados de tecnologia mais importantes e que mais cresce no mundo. Além de possibilitar à Lenovo expandir a sua presença local, ela também estabelece uma base sólida para a nossa visão do futuro da era PC+”, afirmou Yang Yuanqing, charmain e CEO da Lenovo. "A CCE, com o seu portfólio completo de produtos e base valiosa de fabricação no Brasil, é uma parceira perfeita. A equipe de gestão da CCE, que será essencial às nossas operações no Brasil, conhece bem o consumidor brasileiro e vai nos ajudar a estabelecer rapidamente uma presença forte no varejo local. Temos certeza de que esta aquisição vai impulsionar o crescimento e garantir um futuro promissor para as nossas equipes no Brasil, além de trazer uma grande variedade de produtos empolgantes e de alta qualidade para o mercado", completa.
 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Donos de carros apreendidos <br>devem R$ 21 milhões ao Detran
PREJUÍZO

Donos de carros apreendidos
devem R$ 21 milhões ao Detran

EM 2019

Abertura de novos negócios teve melhor resultado em 6 anos

No ano passado, 7.087 empreendimentos foram abertos no Estado
Mega-Sena pode deixar alguém R$ 27 milhões mais rico neste sábado
SORTEIO

Mega-Sena pode deixar alguém R$ 27 milhões mais rico hoje

Chegada da CNN Brasil ainda não bota medo na concorrência
CANAL 1 - FLÁVIO RICCO

Chegada da CNN Brasil ainda não bota medo na concorrência

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião