Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

RECUPERAÇÃO

Lais Souza deixa a UTI de hospital em Miami e respira sem aparelhos

20 FEV 14 - 16h:15FOLHA PRESS

A atleta Lais Souza deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Jackson Memorial, da Universidade de Miami, onde está internada desde o último dia 5, e foi transferida para a Unidade Semi-Intensiva do hospital.

A saída de Lais da UTI deve-se à evolução de seu quadro clínico. A atleta respira sem a necessidade de ventilação mecânica e seu quadro é estável. Lais Souza recupera-se de uma grave lesão na coluna cervical, ocorrida no dia 27 de janeiro quando esquiava livremente em Park City, no estado americano de Utah.

De acordo com o Dr. Antonio Marttos Jr., médico do Comitê Olímpico Brasileiro e da Universidade de Miami, Lais está vencendo uma etapa extremamente importante de sua recuperação.

"A primeira grande vitória é conseguir respirar sozinha. A Lais ainda tem uma traqueostomia conectada a oxigênio, mas está conseguindo respirar sem se cansar. Nessa nova etapa do tratamento, vamos dar ênfase à manutenção dessa capacidade e à recuperação da parte hemodinâmica. Ela tem uma pequena válvula acoplada à traqueostomia, que permite a ela falar normalmente. A Lais surpreende e emociona a toda a equipe de saúde diariamente, com sua determinação e pensamento positivo. Lais é a paciente mais forte que eu já tratei", explicou o médico por meio da assessoria de imprensa do COB.

A previsão é que Lais permaneça em Miami pelo tempo necessário até que se encontre em condições de retornar sem riscos ao Brasil.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ARTIGO

Nilson Reia Boiteux: "Guerra da Lagosta, o contencioso diplomático-militar Brasil x França"

Coronel reformado do Exército
OPINIÃO

Clementino Ferreira de Brites: "A pessoa idosa"

Presidente do Conselho Estadual dos Direitos das Pessoas Idosas

Felpuda

AGORA É LEI

Agressor de mulher será obrigado a ressarcir custos do SUS

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião