Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

Ladrões descobrem produto para limpar nota manchada

7 JUN 2011Por r706h:00

O diretor do Deic (Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado), Nelson Silveira Guimarães, informou nesta segunda-feira (6) que a polícia encontrou uma substância capaz de tirar as manchas de notas de caixas explodidos. O produto estava em uma casa na zona leste de São Paulo, onde dois homens foram presos.

Segundo Guimarães, o produto ainda não foi identificado, mas peritos vão analisá-lo. As manchas eram uma forma encontrada pelos bancos de identificar cédulas roubadas. Na semana passada, o Banco Central decidiu que as notas danificadas não teriam mais valor e deveriam ser recolhidas.

A descoberta desta segunda foi feita durante a continuação da operação Caixa Preta, que visa combater as quadrilhas que atacam caixas eletrônicos. Além dos dois presos na zona leste, outras três pessoas foram detidas nas zonas norte e oeste de São Paulo. Entre os presos está um foragido da Justiça.

De acordo com o delegado, 31 pessoas já foram presas por envolvimento neste tipo de crimes. Entre os suspeitos há policiais militares, mas Guimarães não informou quantos eles são.

Leia Também