Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DIVERSIFICAÇÃO

Ladrões agora apostam em furtos de peças de carros

Ladrões agora apostam em furtos de peças de carros
18/03/2014 00:00 - DA REDAÇÃO


O alvo de ladrões de carros e motos mudou. Em vez de furtar todo o veículo, criminosos têm levado peças ou acessórios como: rodas, ferramentas, motores ou baterias. Dados e relatos demonstram que esse tipo de crime se tornou constante nas vias públicas de Campo Grande. A reportagem está na edição de hoje no jornal Correio do Estado.

Em uma semana, foram verificadas ao menos três situações de pessoas que estacionaram os veículos e, ao retornarem, depararam-se com algum itens levado pelos bandidos. A ação não tem horário para acontecer, fato que preocupa inda mais a população, que se sente em constante vulnerabilidade e pede por mais policiamento na cidade.

Lugares de grande movimentação são os prediletos dos ladrões como, por exemplo, universidades. A acadêmica de direito Claudia Souza Silva, 24 anos, estudante da Unidep, conta que sempre estaciona a motocicleta, modelo Biz, em ruas paralelas à instituição e há duas semanas foi surpreendida com a falta da roda dianteira. Segundo a jovem, no mesmo dia, outros três estudantes também tiveram rodas de motos levadas.

Ela denuncia que essa modalidade de furto nas proximidades da faculdade não é incomum. A reportagem é de Laura Holsback.

Felpuda


A tal estratégia de jogar informações nas redes sociais com objetivo de prejudicar adversários está começando a gerar reações. Uma dessas figurinhas vai ter de explicar, na Justiça, o por quê de postagem trazendo suspeitas pesadas contra cabeça coroada, que não gostou nadica de nada de ver o seu nome sendo usado como “bucha de canhão” para fins eleitoreiros. Vem chumbo grosso por aí! E sai debaixo!...