Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

perocupação

Kassab lança secretaria para Copa 2014

25 ABR 2011Por G114h:48

Um dia depois de o ministro do Esporte, Orlando Silva, dizer que estava preocupado com o andamento das obras na cidade de São Paulo para realização da Copa do Mundo de 2014, o prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab, disse que a manifestação do ministro não foi um “puxão de orelha”. Kassab afirmou que a preocupação do ministro é compreensível.

O comentário foi feito no fim da manhã desta segunda-feira (25) durante evento que apresentou a nova Secretaria Especial de Articulação para a Copa. O titular da pasta é Gilmar Tadeu Ribeiro Alves, do PCdoB, mesmo partido de Orlando Silva.

“É compreensível a expectativa do ministro, é uma responsabilidade muito grande, se trata do maior evento do mundo, em especial o jogo de abertura. Nós estamos muito confiantes, muito tranquilos. Todas as ações estão sendo coordenadas, já estão em implantação”, disse Kassab. “Não foi um puxão de orelha, foi uma manifestação correta de preocupação em relação a diversas cidades. Portanto, é mais do que compreensível.”

O ministro disse neste domingo (24), em Belo Horizonte, que autoridades paulistas lhe disseram que a cidade não ficaria pronta para a realização da Copa das Confederações, um ano antes da Copa do Mundo, em 2013. O torneio é visto como um treinamento para o mundial de futebol.

“Quem me comunicou que o estádio de São Paulo está fora da Copa das Confederações foram as autoridades locais, porque o plano, o prazo de execução da obra, vai além de meados de 2013. Então é um assunto portanto que revela o não cumprimento desse compromisso, um risco importante", disse o ministro. "Todas as cidades brasileiras, as prefeituras e os governos estaduais resolveram esse problema, espero que São Paulo também resolva."
 

Leia Também