Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Justiça oferece ao Governo do Maranhão transferências de presos para presídios federais

Justiça oferece ao Governo do Maranhão transferências de presos para presídios federais
05/01/2014 17:23 - Folhapress


O Ministério da Justiça ofereceu ao governo do Maranhão vagas para a detenção de presos de alta periculosidade do Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

A cadeia é o epicentro de uma grave crise de segurança no Estado nordestino. Desde 2013, 62 detentos morreram em disputas internas.

No fim do ano, o Batalhão de Choque da Polícia Militar assumiu a segurança do local, mas a situação não se acalmou.

Nesta sexta-feira passada, uma onda de ataques a delegacias e ônibus em São Luís foi ordenada, segundo o governo, por um preso de Pedrinhas.

Seis pessoas ficaram feridas nos incêndios --uma criança de seis anos, inclusive, corre risco de morte e um policial militar aposentado morreu no tiroteio à delegacia.

A ordem, diz o Estado, foi uma retaliação a uma operação da PM nas cadeias maranhenses no dia 31 passado.

Ontem, três pessoas foram presas e mais quatro adolescentes apreendidos pela suspeita de participação nos ataques.

Segundo o Ministério da Justiça, a oferta foi feita ontem e caberá à governadora Roseana Sarney (PMDB) decidir se vai querer transferir detentos para presídios federais.

Felpuda


Vêm aumentando que só os disparos de segmentos diversos contra cabecinha coroada que, até então, acreditava voar em céu de brigadeiro. O novo coronavírus chegou, ganhou espaço, continua avançando e atualmente tem sido o melhor cabo eleitoral dos adversários. A continuar assim, sem ações mais eficazes, o estrago político poderá ser grande. Observadores mais atentos têm dito que o momento não é de viver o conto da “Bela Adormecida”. Só!