IRREGULARIDADES

Justiça Eleitoral recebeu mais de 200 denúncias em 1 mês

Justiça Eleitoral recebeu mais de 200 denúncias em 1 mês
08/09/2012 00:01 - Gabriel Maymone


Funcionando há 1 mês, o serviço de disque-denúncia, disponibilizado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul, recebeu 209 ocorrências, sendo elas por propaganda irregular (faixas, cartazes, showmício), compra de voto, entre outros. As denúncias são encaminhadas à respectiva Zona Eleitoral, tanto da Capital quanto do interior do Estado, para as devidas apurações.

Com o disque-denúncia, a população pode participar efetivamente da fiscalização de atos ilícitos ou abusivos de candidatos e partidos políticos. Desta forma, a Justiça Eleitoral poderá tomar providências para combater irregularidades cometidas durante o período eleitoral. As denúncias devem ser identificadas, não sendo permitido o anonimato.

As denúncias também podem ser feitas pelas internet, por meio de formulário disponibilizado na página do TRE (www.tre-ms.jus.br). Para acessá-lo, basta clicar em “Disque-Denúncia”.

Horários – O disque-denúncia do TRE funciona das 08h às 19h, de segunda a sexta-feira. Aos sábados, domingos e feriados o horário de atendimento é das 08h às 18h. O telefone é (67) 3326-0001 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".