Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sexta, 22 de fevereiro de 2019 - 11h18min

Justiça aprova candidaturas a governador

31 JUL 10 - 16h:36
Fernanda Brigatti

As candidaturas de André Puccinelli (PMDB) e Simone Tebet (PMDB); e de José Orcírio dos Santos (PT) e Tatiana Ujacow (PV) ao Governo de Mato Grosso do Sul foram aprovadas ontem, por unanimidade, pelo pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Tatiana e Simone tinham contra si pedidos de impugnação.
A vice de Orcírio era professora na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e teve o pedido de impugnação apresentado por problemas com a data de desincompatibilização do serviço público. Com a apresentação da documentação, o Ministério Público retirou o pedido.
Contra Simone havia um pedido da coligação de oposição, A Força do Povo, alegando que existiam contra ela decisões do Tribunal de Contas do Estado (TCE) rejeitando as contas de seu mandato na Prefeitura de Três Lagoas. A vice comprovou, no entanto, que as decisões apresentadas pelos adversários ainda não tinham transitado em julgado.
A candidatura do nanico Nei Braga (PSOL) ainda não foi avaliada e o julgamento ficará para a próxima semana.

Proporcionais
Os quatro deputados estaduais do PT e outros 17 parlamentares já tiveram suas candidaturas homologadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso do Sul. O julgamento dos registros teve início nesta semana e apenas dois foram impugnados.
Também foram aceitas as candidaturas de alguns nomes conhecidos, como Fábio Trad (PMDB), que tenta vaga na Câmara dos Deputados e já presidiu a seccional de Mato Grosso do Sul da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Esacheu Cipriano (PMDB), presidente estadual do partido, e Luiz Henrique Mandetta (DEM), ex-secretário municipal de Saúde Pública.
Ontem, foram aprovadas também as candidaturas de Maurício Picarelli (PMDB), Cel. José Ivan de Almeida (PRTB), Ary Rigo (PSDB), Londres Machado (PR), Paulo Corrêa (PR) e Youssif Domingos (PMDB). Alguns vereadores de Campo Grande que tentam “subir”  já passaram pelo crivo do tribunal: Cabo Almi (PT), Thais Helena (PT), Marcelo Bluma (PV), Lídio Lopes (PP) e Alcides Bernal (PP) já foram homologados candidatos a deputado estadual.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Em tratamento contra a dengue, menina precisa de doação de plaquetas
SOLIDARIEDADE

Menina precisa de doação de sangue e plaquetas

Smartphone tem diferença  de preço de até R$ 550 na Capital
PESQUISA

Smartphone tem diferença de preço de até R$ 550 na Capital

Solurb tem 15 dias para mostrar cronograma de restauração ambiental
PRADA

Solurb tem 15 dias para mostrar cronograma de restauração ambiental

Homem pega nas nádegas de mulher dentro de ônibus em Campo Grande
ABUSO

Homem pega nas nádegas
de mulher dentro de ônibus

Mais Lidas