Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

parceria

Justiça apoia campanha para alertar população sobre tráfico de pessoas

1 JUN 2011Por portal brasil22h:00

Com objetivo de alertar a população sobre o tráfico de pessoas no Brasil e no exterior, o Ministério da Justiça apoia a campanha "A decisão de viajar é sua: as consequências também! Seus direitos viajam com você aonde quer que você vá!", realizada pelo Centro Internacional para o Desenvolvimento de Políticas de Migração (ICMPD, sigla em inglês).

Parceria entre a Secretaria Nacional de Justiça (SNJ) do ministério, Polícia Federal (PF) e o Centro Internacional, a campanha consiste na distribuição de materiais informativos para alertar sobre os perigos e consequências do tráfico de pessoas. Os folders e cartazes serão distribuídos em todos os postos de emissão de passaportes da PF.

No folheto, além de informações e dicas de como se prevenir do crime, também estão contatos de organizações que prestam apoio a vítimas deste tipo de violência na Europa, endereços de sites e um manual de prevenção ao tráfico.   

Pesquisa

Na última semana, durante um seminário sobre tráfico de pessoas, em Brasília, o ICMPD divulgou pesquisa sobre o perfil das vítimas traficadas: geralmente são pessoas com baixa escolaridade, têm entre 20 e 30 anos e expectativa reduzida de mobilidade social. O estudo mostra ainda a situação das transexuais traficadas que sofrem discriminação e, por isso, enxergam na prostituição a única maneira de garantir uma remuneração razoável. Segundo a pesquisa, a Europa é o principal destino das transexuais brasileiras. 

Leia Também