Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Juiz manda MPF apurar ato político de deputado

Juiz manda MPF apurar ato político de deputado
28/07/2010 05:09 -


O juiz da 35ª Zona Eleitoral, Fernando Paes de Campos, mandou ontem o Ministério Público Federal (MPF) apurar irregularidades em ato político do deputado estadual Paulo Corrêa (PR), candidato a reeleição.
Oficiais de Justiça do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) flagraram a oferta de almoço a convidados do evento. Além disso, os oficiais observaram a presença de veículos oficiais de prefeituras do interior do Estado no ato. Dependendo da avaliação do MPF, o caso pode ser arquivado ou virar ação judicial.
Por telefone, Paulo Corrêa se defendeu da acusação. Ele informou que o evento reuniu apenas cabos eleitorais de sua campanha. “Reuni colaboradores do interior e, como eles vieram de longe, servimos almoço”, explicou.
Sobre os veículos oficiais estacionados em sua propriedade, ele confirmou a presença do prefeito de Alcinópoles, Manoel Nunes da Silva (PR). “Ele veio para discutir a liberação de recursos para o município, mas como a Assembleia está de recesso, o recebi em meu escritório”, justificou. (LK)

Felpuda


As pré-candidaturas bizarras estão se espalhando nas redes sociais, nos perfis de quem acredita que esse tipo de “campanha eleitoral” poderá resultar em votos e até levar à conquista de uma vaga na Câmara Municipal de Campo Grande. Se antes isso era visto apenas no horário eleitoral na TV, agora está se espalhado como erva daninha nas redes. Como diria vovó: “Esse povo ainda se acha!” Afe!