terça, 17 de julho de 2018

Itaquiraí,

Juiz determina saída de brasiguaios

26 OUT 2010Por 04h:15

Até o dia 18 do próximo mês, as cerca de 600 famílias de brasiguaios – pessoas com nacionalidade brasileira e paraguaia – acampadas às margens da Rodovia BR-163, próximo a Itaquiraí, devem ser retiradas do local para permitir a execução de obras para ampliar a rodovia. A determinação da retirada foi expedida pelo juiz federal Joaquim Eurípedes Alves Pinto, a pedido do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

Em reunião organizada na última semana, com integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Ministérios Públicos Federal e Estadual, Justiça Federal, Ouvidoria Agrária Nacional e representantes da Prefeitura de Itaquiraí, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária no Estado (Incra/MS) comprometeu-se a procurar um local para abrigar provisoriamente as famílias.

Desde março deste ano os brasiguaios uniram-se a outras famílias acampadas às margens da rodovia, causando aumento na demanda dos serviços públicos de Itaquiraí. Em nota, o Incra/MS informou que está buscando uma área para assentar as famílias, que deverão passar pelo processo normal de concorrência aos lotes da reforma agrária. (BG)

Leia Também