Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Judocas de MS disputam o Brasileiro em Curitiba/PR

17 JUL 10 - 07h:37
Arlindo Florentino

Mato Grosso do Sul conta com 12 atletas na disputa do Campeonato Brasileiro de Judô Sub-23, que tem o seu início hoje na cidade de Curitiba, PR. A competição é considerada de elevado nível técnico, pois estarão participando atletas que integram a seleção brasileira e que também já conquistaram vários títulos individuais, como brasileiro, sul-americano e pan-americano.
A delegação de Mato Grosso do Sul conta com os seguintes atletas: feminino- Crislaine Luís Pereira, Maracaju; Ana Carla Rios Grincevicus, Sealp; Jéssica Pereira Soares, Sealp.
No masculino, os integrantes da equipe são: Octávio Reis Eudociak, Sealp; Nanderson da Silva Gomes, Bittencourt; Hernando Henrique Amorim, Sealp; Evaldo Costa Siqueira, Maracaju; Mateus Lopes Miranda, Esmi; Luiz Henrique A. S. Nascimento, Sealp; Gerson Pereira Júnior, Sealp e Wanderson Luiz P.dos Santos, Ponta Porã.
De acordo com o treinador da equipe do Estado, Alessandro Nascimento, são grandes as chances dos judocas de Mato Grosso do Sul retornarem com medalhas. “Temos alguns atletas com experiência em competições deste nível. Sabemos das dificuldades, mas estamos otimistas”, afirmou.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Já campeão, Brasil atropela Itália e termina invicto campanha no Japão
VOLÊI

Já campeão, Brasil atropela Itália e termina invicto

Dois são absolvidos de processo que envolve Puccinelli e Amorim
JUSTIÇA FEDERAL

Dois são absolvidos de processo que envolve André

No elenco de "A Dona do Pedaço", Lucy Ramos vibra com virada da personagem na trama
TELEVISÃO

No elenco de "A Dona do Pedaço", Lucy Ramos vibra com virada da personagem na trama

Balança comercial tem saldo <br>de US$ 2,2 bilhões no ano
MATO GROSSO DO SUL

Balança comercial tem saldo de US$ 2,2 bilhões no ano

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião