Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Jovem que teve edema tem morte cerebral

Jovem que teve edema tem morte cerebral
10/01/2014 07:45 - TARYNE ZOTTINO


Jéssica Sacamoto, de 22 anos, que estava internada em estado grave no Hospital Universitário de Campo Grande, teve morte cerebral irreversível ontem (9) e alguns orgãos pararam de funcionar. As informações são da assessoria de imprensa do hospital que corrigiu nesta manhã o dado que havia passado anteriormente, de que a jovem teve óbito registrado às 20h40min de quinta-feira. Jéssica sofreu um edema cerebral depois de uma viagem de avião e entrou em coma. Ela deu entrada no hospital no dia 31 de dezembro com diagnóstico de toxoplasmose cerebral.

O caso ganhou repercussão ao ser relatado pelo namorado da jovem, Bruno Ewerton Gomes, de 24 anos, na página dele no Facebook. No texto, ele escreveu que procurava um especialista em neurologia e infectologia para acompanhar Jéssica e que não estava recebendo informações contínuas sobre o estado de saúde dela. Ao Portal Correio do Estado, o rapaz contou que a namorada voltou de viagem se queixando de uma forte dor de cabeça.

A assessoria do HU informou que Jéssica foi assistida por médicos das duas especialidades e que a família estava sendo frequentemente colocada a par do quadro gravíssimo. 

(Matéria editada às 10h46min)

Felpuda


Vêm aumentando que só os disparos de segmentos diversos contra cabecinha coroada que, até então, acreditava voar em céu de brigadeiro. O novo coronavírus chegou, ganhou espaço, continua avançando e atualmente tem sido o melhor cabo eleitoral dos adversários. A continuar assim, sem ações mais eficazes, o estrago político poderá ser grande. Observadores mais atentos têm dito que o momento não é de viver o conto da “Bela Adormecida”. Só!