quinta, 19 de julho de 2018

Distrito de Indubrasil,

Jovem preso por duas tentativas de homicídio

12 JAN 2011Por Karine cortez00h:00

O auxiliar de serviços gerais Luciano da Silva, 20 anos, foi preso na madrugada de ontem depois de esfaquear duas pessoas no Distrito de Indubrasil, situado a 13 quilômetros de Campo Grande. A primeira vítima, um homem  Jerson Wagner Rolquis, 32 anos, foi ferido com uma facada dentro de um bar. Ao deixar o local de bicicleta e percorrer cerca de 500 metros, o autor se deparou com Kátia Maciel, 19 anos, e também a esfaqueou.

O boletim foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac/Centro), em Campo Grande, e ao prestar depoimento o rapaz alegou ter sido ameaçado com um canivete pela primeira vítima o que, segundo testemunhas, não aconteceu. Jerson contou aos policiais que o autor se aproximou pedindo dinheiro e o esfaqueou. Com relação à jovem, segundo o delegado que registrou o flagrante, Higo Noboro Nishita Arakaki, o autor disse ter encontrado uma pessoa que havia tentado matar a moça, mas não conseguiu e lhe ofereceu R$ 1 mil para fazer o serviço.

No entanto, essa informação também foi descartada pela polícia uma vez que a vítima disse ter sido atacada apenas por uma pessoa com as características de Luciano que responderá por homicídio doloso na forma tentada. O autor já tem várias passagens pela polícia pelos crimes de lesão corporal e flagrante de roubo pelo qual foi preso em 2009.

De acordo com informações repassadas pela Santa Casa, as duas vítimas estavam bem na manhã de ontem, sendo que Jerson aguardava vaga no centro cirúrgico e Katia permanecia em observação.

Outra tentativa
No final da noite de segunda-feira, um pedreiro de 28 anos foi alvejado por dois disparos de arma de fogo que atingiram, de raspão, sua cabeça. A tentativa aconteceu na Rua Ciro Nantes da Silveira, Jardim Seminário, em Campo Grande, na residência da ex-esposa da vítima. Em depoimento à polícia o rapaz disse que o atual namorado da mulher seria o autor dos disparos.

No local a polícia apreendeu uma faca de aproximadamente 20 centímetros de lâmina. O pedreiro disse ser dono da faca e que teria levado para se proteger do namorado da ex-esposa. A vítima tem várias passagens pela polícia por tráfico de drogas, ameaça e maus-tratos.

Leia Também