Jovem perde controle do carro, bate e morre

Jovem perde controle do carro, bate e morre
05/04/2010 22:19 -


NADYENKA CASTRO

Já são quatro mortos em rodovias de Mato Grosso do Sul desde o fim da tarde de quarta-feira (31 de março), quando muitas pessoas começaram a pegar a estrada para aproveitar o feriadão de Páscoa fora de casa. O último acidente fatal aconteceu por volta das 5 horas de ontem, na BR-163, em Bandeirantes. Fernando Mateus da Motta, 18 anos, morreu na colisão com a Scania, de placas do Mato Grosso, conduzida por Gelson José da Silveira, 31 anos.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Fernando, que conduzia um Palio Weekend, de placas de Camapuã, trafegava no sentido Capital/interior e a Scania na pista contrária. Em um trecho de reta, o jovem perdeu o controle da direção do automóvel e invadiu a pista contrária, batendo de frente com a carreta. Com o impacto, o carro de passeio rodopiou e foi parar à margem da rodovia, no mesmo sentido em que trafegava. A carreta invadiu a outra pista, tombou e parou no acesso à uma propriedade rural.

Gelson saiu ileso. A Scania ficou danificada, principalmente na cabine. O Palio Weekend teve a frente completamente destruída, assim como o lado esquerdo, próximo ao motorista. Fernando morreu na hora. Amigos dele disseram que ele morava em Campo Grande e trabalhava na Central de Distribuição de Alimentos (Ceasa). No fim de semana, seguia para a casa dos pais, que trabalham no restaurante do Posto São Pedro, localizado no vilarejo que fica perto de Bandeirantes. Fernando teria ido a uma festa no município próximo e não teria dormido. Conhecidos disseram para ele não dirigir. Segundo a PRF, a sonolência pode ter sido a causa do acidente, mas, até o fechamento desta edição, não havia sido confirmada a hipótese.

Balanço
Além do acidente de ontem, outros três fatais já foram registrados no feriadão. O terceiro aconteceu na manhã de sexta-feira. Cléder Alves Batista, 27 anos, morreu ao bater de frente a picape Fiat Strada que conduzia em um caminhão, na BR-262, na Capital, saída para Três Lagoas. Por volta das 4h30 de quinta-feira, Benedito da Silva de Oliveira, 45 anos, morreu ao colidir o caminhão que trafegava, dos Correios, com outro veículo, na MS-162. No fim da tarde de quarta-feira, na BR-419, em Anastácio, o capotamento de um Bora, de placas de São Paulo, matou Alisson Victor Souza Martins, 11 anos.

Números
De acordo com dados da PRF, de quinta-feira até sábado, foram registrados 26 acidentes nas rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul. A maioria é resultado da falta de atenção dos condutores. Colisão traseira e saída de pista estão entre os acidentes que mais aconteceram neste período nas BRs.
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".