Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

COMISSÃO

Jornalista será ouvido sobre espionagem

3 JAN 14 - 10h:58agência câmara

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados vai convidar o jornalista do jornal “The Guardian” Glenn Greenwald para audiência pública com a finalidade de debater os recentes casos de espionagem praticados pelos Estados Unidos. A vinda do jornalista - que ainda não tem data marcada - foi solicitada pelo deputado Ivan Valente (Psol-SP).

Nos últimos meses, Edward Snowden ex-funcionário da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (National Security Agency - NSA) tem dito que pessoas residentes ou em trânsito no Brasil, assim como empresas instaladas no País, incluindo autoridades e a própria presidente da República, se tornaram alvos de espionagem.

Glenn Greenwald foi o jornalista responsável por divulgar dados secretos coletados por Snowden. Em entrevistas para veículos da Rede Globo, Greenwald revelou que a presidente Dilma Rousseff e a Petrobras foram alvos da espionagem e, mais recentemente, de países como a França e a Alemanha.

Um dos documentos divulgados por Greenwald é uma apresentação interna que classifica os desafios na área internacional a que os Estados Unidos estarão expostos nos próximos anos. Nele, o Brasil aparece classificado como motivo de preocupação sob a rubrica: "Amigos, Inimigos ou Problemas?".

Medidas governamentais
As comissões de Relações Exteriores e de Defesa Nacional; e de Constituição e Justiça e Cidadania, realizaram, em setembro último, audiência com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que explicou todas as atitudes tomadas pelo governo federal em relação ao assunto, detalhando reuniões técnicas e políticas realizadas em conjunto com representantes do governo americano.

O ministro admitiu, no entanto, que o Brasil pouco avançou na apuração dos fatos, o que levou a presidente Dilma Rousseff a adiar a viagem de Estado que faria a Washington em outubro.

O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), um dos parlamentares que sugeriu a audiência, disse na ocasião que o Brasil foi surpreendido por algo previsível, uma vez que o País cada ganha cada vez mais destaque internacional.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mandetta não garante recursos federais <br>para combater epidemia na Capital
AGENDA EM CAMPO GRANDE

Mandetta não garante recursos federais para combater epidemia na Capital

Tragédia

Chega a 417 número de mortes em Moçambique após ciclone

POLÍTICA

Maia diz que vai se empenhar em favor da reforma da Previdência

Presidente da Câmara sugere que deputados sejam ouvidos pelo Planalto
Moradores prestigiam inauguração de academia ao ar livre no Cidade Jardim
VIDA SAUDÁVEL

Academia ao ar livre é inaugurada no Cidade Jardim

Mais Lidas