Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

ANÚNCIO

Jornalista brasileiro preso na Líbia já está em liberdade

10 MAR 11 - 14h:51AGÊNCIA SENADO

O jornalista brasileiro Andrei Netto, que estava preso na Líbia, já está livre. A confirmação foi dada pelo jornal O Estado de S. Paulo pelo Twitter, poucas horas depois de os senadores Eduardo Suplicy (PT-SP) e Paulo Paim (PT-RS) informarem, após conversa telefônica com o embaixador líbio Salem Abdullah Omar Ezubedi, que o correspondente seria libertado ainda nesta quinta (10).

De acordo com O Estado de S. Paulo, o jornalista está na casa do embaixador do Brasil na Líbia, George Ney Fernandes, e deverá deixar o país nesta sexta-feira. Andrei Netto foi preso há oito dias por forças leais ao ditador líbio Muamar Kadafi. De acordo com Salem Ezubedi, ele fora detido porque não havia solicitado às autoridades locais permissão para trabalhar.

Na manhã desta quinta, a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aprovou duas moções relativas à prisão de Andrei Netto. A primeira, destinada à direção de O Estado de S. Paulo, era de solidariedade pela prisão do jornalista, que atua como correspondente em Paris e foi designado para cobrir os confrontos entre rebeldes e forças do regime comandado por Muamar Kadafi. A segunda moção exigia a libertação imediata do repórter

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Após protesto, juiz manda assassino de Uber voltar para o presídio
HORAS DEPOIS

Após protesto, juiz manda assassino de Uber voltar para o presídio

Cleiton celebra interesse, mas negocia renovação com Atlético
VALORIZADO

Cleiton celebra interesse, mas negocia renovação

Nasce a filha de Tatá Werneck e Rafael Vitti
FINALMENTE

Nasce a filha de Tatá Werneck e Rafael Vitti

SESSÃO ENCERRADA

Barroso vota a favor da prisão após condenação em 2ª instância; placar é de 3 a 1

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião